COMO CONTROLAR A IRRITABILIDADE INTENSA NA MENOPAUSA

Perceba que é habitual irritar-se com mais facilidade na menopausa visto que os respectivos hormônios apresentam-se plenamente desequilibrados.

Na maior parte das épocas, a pessoa começa a se passar uma mulher desagradável não unicamente com os alheios, mas com ela própria.

É desmedidamente corriqueiro a pessoa se irritar por insignificantes coisas, com o marido, os filhos, os conhecidos e no trabalho. Insignificantes situações que não te incomodavam, começam a te incomodar.

Mas se a mulher ficar inteirada do que se sucede com seu sistema corporal, tem como iniciar por essa situação da mais favorável maneira.

Por que transcorre essa irritação contínua?

Antes de tudo, esse igual sintoma da irritabilidade que inicia na pré-menopausa e após na menopausa, se confunde muito com os anuncios da TPM.

Talvez a senhora nem tenha ideia de que deva ser a menopausa que está acontecendo propriamente por ainda imaginar que possa ser a TPM.

O nosso ovário desaponta com uma quantidade hormonal finita. Nós, senhoras, eclodemos com uma enorme dose de células e a contar de a prévia menstruação, em meados dos dez, treze anos, nós vamos utilizando todas elas.

E esse uso acontece até em torno dos 50 anos. Por esse motivo a pessoa não vai gerar mais determinados hormônios que são significativos para que o seu estado de espírito permaneça consistente.

Se porventura você está atravessando os 40 anos, é uma época que a menopausa já está iniciando. Em média, começa para a maioria das senhoras em média dos 50, cincoenta e um anos.

Mas pode acontecer uma alteração, que vai dos 45 aos cincoenta e cinco anos.

Maso que é menopausa?

Tem significado que a mulher permanece sem menstruar por 12 meses sem interrupção, a partir de que não continue tomando nenhum anticoncepcional.

Porém na pré-menopausa, a senhora inicia a obter uma baixa de progesterona, que é um dos hormônios que o ovário produz. Mais adiante de começar a apresentar variações de um outro hormônio, o estrogênio.

Com o passar do tempo, a progesterona acaba, de forma que o estrogênio da mesma forma não é mais gerado.

Por falar na progesterona, sabe porque suas categorias crescem na ocasião da gestação?

Porque na gestação, a mulher tem que ficar tranquila, sobretudo para que ela não aborteInterrompa a gravidez ou tenha um parto prematuro.

Em consequencia, a progesterona ajuda a mulher a permanecer sossegada, a dormir bem e permanecer de bom humor.

Da mesma forma, a progesterona é primordial em outras ocasiões da vida, essencialmente falando de pré-menopausa e de menopausa.

É por isso que seu estado de espírito e sua padrão do sono vai variando e você inicia a ter toda essa irritabilidade.

E em seguida da progesterona, vem o estrogênio, que é importante para a produção de estruturas no seu cérebro, onde uma delas é a serotonina.

Por falar no nosso ovário, ele não auxilia apenas para a concepção. Ele tem também uma função endócrina, sendo assim, quando termina a parte fecúndia, fica faltando a parte endócrina da mulher.

De que forma nosso corpo funciona?

É importante que toda pessoa tenha uma consciência do que está acontecendo no seu corpo. Sendo Assim, ficará mais simples entender o que está ocasionando.

O seu estado de espírito vai modificando porque a serotonina que traz uma percepção de bem-estar está parando de ser produzida.

Em consequencia disso determinadas senhoras ingerem antidepressivos, por consequência de eles remeterem novamente essa serotonina que está diminuída.

Mas muitas circunstâncias, você deva estar tomando um antidepressivo e não compreender que o problema encontra-se no seu ovário que não está mais funcionando.

Recordando, nosso ovário, ele não serve apenas para a concepção. Ele tem também uma incumbência endócrina logo, na ocasião que cessa a função fecúndia, fica faltando a parte endócrina da pessoa.

Veja mais sobre sintomas da menopausa

Juntamente com a baixa dos hormônios, cai também a produção dessas substâncias no cérebro, intituladas de neurotransmissores, da mesma maneira que as endorfinas e a serotonina.

Já imaginou que você está irritada, e sem falar nos outros tantos sintomas da menopausa, e esse aborrecimento pode ser alguma coisa clara, mas também disfarçado?

Porventura, a senhora vai permanecer aborrecida não apenas pelas estruturas em falta no cérebro, devido a está cansada.

Identifica de que forma a pessoa inicia a se passar? Como uma mulher não amável, se achando abalada com si própria.

Só que às vezes, ela não se dá conta do que realmente estar acontecendo tudo isso e não solicita ajuda para empenhar-se em esclarecer.

Permanece sem mansidão com a maioria que permanecem próximo e com certeza, toda essa aborrecimento pode terminar afetando sua relação com algumas pessoas.

De que forma monitorar a irritabilidade em excesso na menopausa?

Existem coisas bem simples que toda mulher pode fazer habitualmente para lapidar toda essa irritação:

Exercícios físicos

Dormir tranquila

Reflexão

Terapia de Compensação Hormonal

Finalização

Nesse momento que você têm consciência de que está ocasionando toda essa irritabilidade e o que pode executar para enfrentar isso da melhor forma, fica nas suas mãos buscar uma saída para voltar a ter oseu equilíbrio novamente.

Saiba mais sobre sintomas da menopausa

Um comentário em “COMO CONTROLAR A IRRITABILIDADE INTENSA NA MENOPAUSA”

Os comentários estão desativados.